Comunique Erro

 
Nome:
E-mail:
Erro:
Fechar
Empresas amigas
Resultados de Exames

Consulta de resultados de exames

Área médica:
Resultados de Exames

Newsletter

Receba novidades da ACCG

Cotação On line

Faça sua cotação de forma rápida e prática em nosso sistema.

Fazer cotação
Licitações

Confira aqui as modalidades
que a ACCG oferece para licitações.

Notícias
Tamanho da Letra A- | A+

Tem início nova turma do Curso de Especialização em Enfermagem Oncológica

Destaque

Teve início, nesta segunda-feira, 05/02, no auditório do Hospital Araújo Jorge, a 8ª turma do Curso de Especialização em Enfermagem Oncológica.   A residência, que tem duração de 2 anos  e é organizada pelo Instituto de Ensino e Pesquisa (IEP), tem como enfermeiros residentes, aprovados em seleção, Natália Regina dos Santos Soares, Nayane Ketley Pereira Oliveira e Maycon Douglas Ferreira Marinho.

Na abertura, o Dr. Paulo Moacir de Oliveira Campoli, presidente da Associação de Combate ao Câncer em Goiás (ACCG) – mantenedora do IEP, deu boas-vindas aos residentes e disse, em discurso, que a Instituição tem muito orgulho do curso. “Temos bons frutos oriundos deste curso que está implantado aqui há alguns anos”, ressaltou, destacando o trabalho do IEP e das enfermeiras que fornecem a parte didática.

O Diretor do IEP, Dr. Elismauro Francisco de Mendonça, lembra que o Hospital Araújo Jorge, por ser uma instituição que trata o câncer, é composto por equipes transdisciplinares de saúde, sendo a Enfermagem fundamental nesse processo do acompanhamento do paciente portador de neoplasia. “Ela trabalha junto com o médico, no cuidado do paciente oncológico. E a formação de recursos humanos, nessa área especializada na Oncologia, é fundamental. O Hospital cumpre uma das suas missões que é, além da assistência, a formação de recursos humanos na especializada de oncologia”, sublinhou.  

Silvana Vieira dos Santos, professora da UFG e tutora da residência, manifesta  satisfação com o início de mais uma turma, e diz que ela é de extrema relevância para nossa cidade e estado. “Pois são profissionais que vão sair da Casa  extremamente qualificados,  e essa qualificação ela já tem sido percebida em outras instituições que trabalham com o câncer, especificamente na área de Oncologia”, afirmou.

A enfermeira Ana Carolina de Castro Mendonça Queiroz, também tutora da residência, destaca a importância desse tipo de formação. “Essa oportunidade de ser residente é que te abre portas e te transforma em um profissional muito mais qualificado e um profissional que está voltado para um cuidado no SUS.  Que fortalece o Sistema Único de Saúde e que traz algo diferencial para quem foi residente. É diferente de fazer uma especialização simples”, declarou a profissional, que fez parte, há alguns anos, da primeira turma do curso.

Já Luciana Garcia Lobo Duarte, uma das palestrantes e Gerente de Enfermagem da ACCG, disse que a residência é uma tradição na Instituição e um diferencial. “É uma troca de experiências.  Estes profissionais que vem para nossa residência – inclusive, nessa turma vieram de outras cidades -, vão contribuir não somente com seus conhecimentos, mas acabam deixando alguns trabalhos, desenvolvem alguns projetos juntos, como manuais, atualização de procedimentos. É uma estrada de mão dupla”, definiu.

Para o residente Maycon Douglas Ferreira Marinho, formado pela PUC, a especialização no Araújo Jorge é uma oportunidade única, pois existem poucos profissionais especializados nessa área. “A residência vai nos proporcionar conhecimento teórico e prático. Iremos aprender a cuidar desse paciente como um todo”, enfatizou.

Texto: Mirelle Irene – Assessoria de Comunicação

 

Veja Também